Tag Archives: Flamengo

Diretoria do Fla perde a paciência com Adriano, e atacante diz que não quer mais jogar.

4 nov

Pedro Ivo Almeida
Do UOL, no Rio de Janeiro

A diretoria do Flamengo perdeu a paciência com o atacante Adriano após mais uma série de indisciplinas do jogador. Após as ausências no treino de quinta e sexta-feira e as notícias sobre o “desempenho” do jogador durante as respectivas madrugadas, a cúpula do rubro-negro mudou o comportamento adotado em outros episódios polêmicos, quando chegou a proteger o atleta, e já não esconde mais a decepção com a nova recaída do Imperador.

Internamente, nem mesmo a troca de mensagens de Adriano com o diretor executivo Zinho, na noite de quinta, comoveu os dirigentes da Gávea. Enquanto entrava em contato com o cartola para pedir dispensa das atividades até terça por problemas pessoais, o Imperador desabafou e disse que não queria mais jogar futebol pois estava cansado de tantas cobranças.

Zinho pediu que o jogador tivesse calma, repensasse sua decisão e conversasse melhor na terça, data marcada para seu retorno aos treinos no Ninho do Urubu. E por um momento, outros dirigentes tiveram a mesma tranquilidade. A divulgação de um vídeo, no entanto, com Adriano curtindo a madrugada em um show de funk e ignorando os problemas pessoais foi a senha para que o caos se instalasse mais uma vez no clube.

Os dirigentes entenderam que não seria mais possível “passar a mão na cabeça” de Adriano após nova polêmica. Na noite de quarta, o jogador já havia ido a uma boate na Barra da Tijuca e, em seguida, faltado ao treino marcado para a manhã de quinta-feira. A farra se estendeu até sexta-feira e os problemas só aumentaram.

Sem paciência para os novos deslizes do Imperador e concentrados na partida do último sábado, contra o Figueirense, os dirigentes ignoraram o assunto, que só voltará a ser debatido na próxima segunda-feira, quando Zinho irá se reunir com a presidente Patricia Amorim e outros diretores para resolver o futuro de Adriano.

Com seis faltas acumuladas, o jogador pode ter seu contrato rescindido por justa causa. E mesmo após o atleta afirmar para Zinho que não queria mais jogar ideia, porém, a decisão ainda não foi tomada. Até porque muitos acham que o discurso de Adriano se deu em um momento de recaída e esperam para ouvi-lo na terça, data marcada para sua reapresentação.

Com o futuro incerto, a única certeza nos bastidores é que Adriano dificilmente voltará a vestir a camisa rubro-negra para um jogo oficial neste ano. Resta saber, no entanto, se a camisa 10 continuará sendo usada em treinos até o final de seu contrato – 22 de dezembro – ou se será “aposentada” de maneira melancólica.

Ney Franco analisa derrota e defende Fabuloso.

21 out

O São Paulo encerrou a série de oito jogos sem perder na temporada. Na tarde deste domingo, o Tricolor perdeu para o Flamengo por 1 a 0, no Engenhão, pelo Campeonato Brasileiro. O técnico Ney Franco lamentou o revés, mas valorizou o fato de a equipe se encontrar dentro do G4 da competição nacional.

“Perdemos três pontos em um momento que vínhamos muito bem no Brasileiro, com a possibilidade de encostar no terceiro colocado. Não tivemos a competência para ganhar. Independentemente do que aconteça, nós vamos fechar a rodada no G4”, disse Ney Franco.

“Temos de passar a borracha no que aconteceu aqui. Tivemos vários problemas para esse jogo. As duas equipes muito bem, sentiram o calor. No nosso melhor momento no jogo, não tivemos a competência para ganhar. Depois que levamos o gol, a equipe ficou desajustada”, completou o treinador.

No primeiro tempo, o São Paulo teve a oportunidade de abrir o placar, mas o atacante Luis Fabiano perdeu um pênalti. Ney Franco pede que o artilheiro levante a cabeça.

“Estamos falando de um atleta experiente, artilheiro e que tem 15 gols no Brasileiro. O Luis pegou a bola com muita confiança, foi lá e bateu. Não vamos criar drama por causa disso. Não estamos falando de um jogador que está começando agora”, concluiu o treinador.

M1TO revela conversa com Fabuloso após pênalti perdido.

21 out

O atacante Luis Fabiano perdeu um pênalti na derrota para o Flamengo por 1 a 0, neste domingo, no Engenhão, pelo Campeonato Brasileiro. Depois da partida, o goleiro Rogério Ceni revelou uma conversa com o camisa 9, que chegou a dizer ao M1TO que não bateria mais pênaltis pelo São Paulo.

“Ele me disse que não ia bater mais de agora em diante. Mas perder pênalti é do jogo. Se ele se sentir bem, pega e bate. Eu também já errei. Ele é nosso camisa 9 e isso é coisa do jogo”, ressaltou o capitão são-paulino.

Foi o segundo pênalti seguido que Fabuloso desperdiçou. Na vitória sobre o Atlético-GO por 2 a 0, no Morumbi, na última quinta-feira, o camisa 9 chutou a bola na trave. O são-paulino lamentou, e muito, o fato e diz que é preciso ter paciência para superar esse momento.

“Dois pênaltis perdidos em dois jogos é muita coisa. A gente passa por isso, mas não me resta outra coisas a não ser arriscar. É uma situação que incomoda, mas é ter paciência”, completou o camisa 9.

Luis Fabiano é o principal artilheiro do São Paulo na temporada com 28 gols. No Campeonato Brasileiro, ele é o vice-artilheiro com 15 gols. Com o resultado no Rio de Janeiro, o Tricolor permanece com 55 pontos, na quarta colocação e dentro do G4 do Brasileiro.

São Paulo quer Ganso na semana que vem.

6 set

O São Paulo fará nova oferta por Paulo Henrique Ganso na semana que vem. O presidente Juvenal Juvêncio deve oferecer R$ 17 milhões ao Santos, pelos 45% dos direitos econômicos do meia, que o clube detém. Os 55% da DIS não serão adquiridos, segundo a diretoria. A cúpula são-paulina confia que a proposta, mesmo abaixo da multa de R$ 23,8 milhões, vai convencer o Santos a liberar o jogador e pretende fechar o negócio em até dez dias.

Na conta
O pagamento do Paris Saint-Germain de R$ 108 milhões por Lucas, ao São Paulo, já foi enviado ao Brasil mas ainda precisa passar pelo Banco Central  para chegar aos cofres do clube paulista. Ao jogador, o São Paulo repassará 25% da verba, e ficará com R$ 81 milhões, que ainda não têm destino certo.

Cobertura
A Odebrecht vai começar a montar neste mês as estruturas metálicas da cobertura da Arena Corinthians. Esta é a parte da obra mais cara até agora. As peças foram encomendadas. A produção deverá demorar cerca de quatro meses e não inclui a colocação das placas do teto. O estádio deve ficar pronto em dezembro de 2013.

Cobertura verde
A WTorre está separando uma área na região do gramado da Arena Palestra para servir de canteiro de obras para a montagem da cobertura do estádio. As obras de cobertura devem começar no máximo até outubro. Conselheiros palmeirenses em visita às obras elogiaram a vista do campo desde os camarotes.

Revés e pressa
Conselheiros do Palmeiras que trabalham pelas eleições diretas dizem que podem tentar antecipar para o fim do ano a implementação da medida caso o clube seja rebaixado para a Série B neste Brasileirão. Mesmo assim, têm pouca esperança de convencer o Conselho Deliberativo a aprovarem as diretas para o próximo pleito, em janeiro.

Arquivo
O presidente do Conselho Deliberativo do Vasco, Abílio Borges, diz que não marcou a reunião para examinar as contas de 2011 porque o Fiscal enviou relatório incompleto. O CF afirma que diretoria não entregou certos documentos, como o parecer da auditoria externa. Isto deve ser solucionado até a próxima semana.

Colosso
O Flamengo aguarda para outubro a aprovação pela prefeitura do Rio do projeto que vai transformar o Morro da Viúva em hotel, pelo acordo já firmado com a REX, de Eike Batista. O prédio foi incluído no “Pacote Olímpico”. Só depois desta aprovação é que será concedido o perdão de R$ 16 milhões de dívidas com o IPTU.

Longo adeus
O Grêmio finaliza uma agenda de 13 dias com eventos de despedida do estádio Olímpico, em dezembro. Estão sendo programados jogos com ídolos do clube, encontro com associados, além de um leilão. Neste, serão leiloados pedaços da grama do campo e também parte do mobiliário que o clube vai renovar quando o administrativo se mudar para a nova arena

Repetência
A diretoria do Vasco se irritou com a rejeição unânime do Conselho Fiscal no parecer das contas de 2011. Em reunião anteontem com membros do Conselho, Peralta disse estar chateado, mas, após ler o parecer se acalmou. Esta é a terceira vez que a gestão de Roberto Dinamite tem as contas reprovadas pelo órgão.

De Letra

“O problema do São Paulo é a ciclotimia. Quando ganha dois jogos, tudo é maravilhoso, mas basta perder um que tudo volta a ser questionado.” – Marco Aurélio Cunha, conselheiro e ex-superintendente do São Paulo. Cunha afastou-se da situação desde que Juvenal Juvêncio buscou o terceiro mandato.